java script is required for this page
Discurso do Primeiro-Ministro no evento do Dia Mundial .....
Home      >  Discurso do Primeiro-Ministro no evento do Dia Mundial do Meio Ambiente

Discurso do Primeiro-Ministro no evento do Dia Mundial do Meio Ambiente

Discurso do Primeiro-Ministro no evento do Dia Mundial do Meio Ambiente

Primeiro-Ministro: Meta de misturar 20% de etanol na gasolina foi antecipada para 2025

Primeiro-Ministro: O governo identificou 11 setores que podem fazer bom uso dos recursos por meio da reciclagem

Lançamento projeto piloto E-100 em Pune para produção e distribuição de etanol em todo o país

O Primeiro-Ministro Sr. Narendra Modi discursou no evento do Dia Mundial do Meio Ambiente organizado conjuntamente pelo Ministério do Petróleo e Gás Natural e o Ministério do Meio Ambiente, Florestas e Mudanças Climáticas, hoje, por meio de uma videoconferência. Durante o evento, o Primeiro-Ministro interagiu com um agricultor de Pune que compartilhou sua experiência com a agricultura orgânica e uso de biocombustíveis na agricultura.

O Primeiro-Ministro divulgou o "Relatório do Comitê de Especialistas sobre o Roteiro para a mistura de etanol na Índia 2020-2025". Ele também lançou o ambicioso projeto piloto E-100 em Pune para a produção e distribuição de etanol em todo o país. O tema do evento deste ano é ‘promoção dos biocombustíveis para um melhor meio ambiente’. Os Ministros da União, Sr Nitin Gadkari, Sr Narendra Singh Tomar, Sr Prakash Javadekar, Sr Piyush Goyal e Sr Dharmendra Pradhan também estiveram presentes na ocasião.

Falando na ocasião, o Primeiro-Ministro disse que a Índia deu mais um salto ao divulgar um roteiro detalhado para o desenvolvimento do setor de etanol no Dia Mundial do Meio Ambiente. Ele disse que o etanol se tornou uma das grandes prioridades da Índia do século 21. Ele acrescentou que o foco no etanol está tendo um impacto melhor no meio ambiente e também na vida dos agricultores. Ele disse que o governo resolveu cumprir a meta de 20% de etanol na mistura de gasolina até 2025. No início, a decisão era atingir a meta até 2030, que agora está adiantada em 5 anos. Ele acrescentou que, até 2014, em média, apenas 1,5% do etanol poderia ser misturado na Índia, que agora atingiu cerca de 8,5 por cento. Em 2013-14, cerca de 38 milhões de litros de etanol foram comprados no país, que agora cresceu para mais de 320 milhões de litros. Ele disse que grande parte desse aumento de oito vezes nas compras de etanol tem beneficiado os produtores de cana-de-açúcar do país.

O Primeiro-Ministro observou que a Índia do século 21 pode obter energia apenas através do pensamento moderno e das políticas modernas do século 21. Com essa mentalidade, o governo está continuamente tomando decisões políticas em todos os campos. Segundo ele, hoje, muita ênfase está sendo dada à construção da infraestrutura necessária para a produção e compra de etanol no país. A maioria das unidades de fabricação de etanol está concentrada em 4 a 5 estados onde a produção de açúcar é alta, mas agora destilarias à base de grãos alimentícios estão sendo estabelecidas para expandi-la para todo o país. Usinas com tecnologia moderna também estão sendo instaladas no país para produzir etanol a partir de resíduos agrícolas.

O Primeiro-Ministro disse que a Índia é um forte defensor da justiça climática e está avançando com uma visão global elevada, como a fundação da International Solar Alliance (Aliança Solar Internacional) para concretizar a visão de “Um Sol, Um Mundo, Uma Rede” e a iniciativa “Coalizão para Infraestrutura Resiliente a Desastres”. Ele observou que a Índia foi incluída entre os 10 principais países do mundo no Índice de Desempenho em Mudanças Climáticas. Ele acrescentou que a Índia também está ciente dos desafios que estão sendo enfrentados devido às mudanças climáticas e também está trabalhando ativamente.

O Primeiro-Ministro falou sobre as abordagens duras e suaves adotadas para combater as mudanças climáticas. Sobre a abordagem difícil, ele observou que nossa capacidade de energia renovável aumentou mais de 250% nos últimos 6-7 anos. A Índia está hoje entre os 5 maiores países do mundo em termos de capacidade instalada de energia renovável. Especialmente a capacidade de energia solar, que aumentou cerca de 15 vezes nos últimos 6 anos.

O Primeiro-Ministro disse que o país também deu passos históricos com uma abordagem suave, hoje o homem comum do país aderiu e liderou a Campanha Pró-Meio Ambiente como evitar plástico de uso único, limpeza de praia ou Swachh Bharat. Ele acrescentou que o impacto de dar mais de 370 milhões de lâmpadas de LED e mais de 2,3 milhões de Ventiladores Eficientes em Energia não é discutido com frequência. Ele disse, da mesma forma, ao fornecer conexões gratuitas de gás sob o esquema de Ujjwala, ao fornecer conexões de eletricidade sob o esquema de Saubhagya, para milhões de pobres, sua dependência de madeira foi bastante reduzida. Além de reduzir a poluição, também ajudou muito na melhoria da saúde e no fortalecimento da proteção ambiental. Ele disse que a Índia está dando um exemplo para o mundo de que não é necessário parar o desenvolvimento para proteger o meio ambiente. Ele ressaltou que Economia e Ecologia podem caminhar juntas e seguir em frente. E este é o caminho que a Índia escolheu. Segundo ele, além do fortalecimento da economia, nossas florestas também aumentaram 15 mil quilômetros quadrados nos últimos anos. O número de tigres em nosso país dobrou e o número de leopardos também aumentou cerca de 60% nos últimos anos.

O Primeiro-Ministro disse que sistemas de energia limpa e eficiente, infraestrutura urbana resiliente e restauração ecológica planejada são uma parte muito importante da campanha AatmaNirbhar Bharat (Índia Autossuficiente e conectada às cadeias mundiais). Ele disse que, devido a todos os esforços empreendidos em relação ao meio ambiente, novas oportunidades de investimento estão sendo criadas no país, milhares de jovens também estão conseguindo empregos. Ele disse que a Índia está trabalhando com uma abordagem holística por meio do Plano Nacional de Ar Limpo para reduzir a poluição do ar. Ele disse que o trabalho em hidrovias e conectividade multimodal não só fortalecerá a missão do transporte verde, mas também melhorará a eficiência logística do país. Hoje, o serviço de metrô ferroviário no país passou de 5 cidades para 18 cidades o que ajudou na redução do uso de veículos pessoais.

O Primeiro-Ministro disse que, hoje, grande parte da rede ferroviária do país foi eletrificada. Os aeroportos do país também são feitos para usar eletricidade de energia solar em ritmo acelerado. Ele detalhou que, antes de 2014, apenas 7 aeroportos tinham instalação de energia solar, enquanto hoje esse número aumentou para mais de 50. Luzes de LED foram instaladas em mais de 80 aeroportos para melhorara eficiência energética.

O Primeiro-Ministro falou sobre um projeto que está em andamento para desenvolver Kevadiya como uma cidade de veículos elétricos. Ele disse que a infraestrutura necessária está sendo disponibilizada para que, no futuro, apenas os ônibus e veículos de duas e quatro rodas movidos a bateriafuncionem em Kevadiya. Ele disse que o ciclo da água também está diretamente relacionado às mudanças climáticas e o desequilíbrio no ciclo da água afetará diretamente a segurança da água. Ele disse que o trabalho está sendo feito com uma abordagem holística, desde a criação e conservação até o uso dos recursos hídricos no país, por meio da Missão Jal Jeevan. Por um lado, cada família está sendo conectada com canos, por outro, o foco está em elevar o nível das águas subterrâneas por meio de campanhas como Atal Bhujal Yojana e Catch the Rain.

O Primeiro-Ministro anunciou que o governo identificou 11 setores que podem fazer bom uso dos recursos reciclando-os por meio de tecnologia moderna. Ele disse que muito trabalho foi feito nos últimos anos na campanha de Kachra a Kanchan e agora está sendo levado adiante muito rápido no modo de missão. O plano de ação relacionado a isso, que terá todos os aspectos regulatórios e de desenvolvimento, será implementado nos próximos meses. Ele ressaltou que, para proteger o clima, é muito importante organizar nossos esforços para proteger o meio ambiente. Ele insistiu que seremos capazes de oferecer um ambiente seguro para nossas próximas gerações somente quando todos os cidadãos do país fizerem um esforço conjunto para manter o equilíbrio da água, do ar e da terra.

***

Essa é uma tradução não oficial. Em caso de divergências, prevalece o texto original, em inglês, disponível em:

https://pib.gov.in/PressReleseDetail.aspx?PMO=3&PRID=1724642 External website that opens in a new window

External website that opens in a new window
External website that opens in a new window
External website that opens in a new window
External website that opens in a new window
External website that opens in a new window
External website that opens in a new window
External website that opens in a new window
External website that opens in a new window
 
Facebook Twitter YouTube Flickr